Um avião pegou fogo após sofrer uma aparente falha no trem de pouso, logo após a aterrissagem no Aeroporto Internacional de Miami, nos EUA, ontem.

De acordo com informações do site de aviação Simple Flying, o voo 203, da companhia Red Air, partiu de Santo Domingo, na República Dominicana, às 15h do horário local e, quando se aproximou do destino, realizou um movimento sem intercorrências para se preparar para o pouso. Depois de tocar na Pista 9, a aeronave virou para a esquerda e derrapou na área gramada que separa a Pista 9 da Pista 12-30.

No entanto, o atrito não impediu colisões. A asa esquerda da aeronave atingiu uma estrutura de antena do aeroporto, incluindo um pequeno prédio próximo a ela. Outra batida danificou a asa direita do jato, provocando um incêndio de grande proporção nesta estrutura.

Testemunhas no local gravaram o momento do pouso e o avião em chamas. Alguns vídeos foram compartilhados nas redes sociais. Em um deles, a aeronave é vista com a asa destruída e se arrastando pelo chão antes de sair da pista.

Todos os 140 passageiros e 11 tripulantes foram evacuados com segurança. Três pessoas tiveram ferimentos leves e foram levadas para o hospital. A Red Air é uma companhia aérea sediada na República Dominicana que opera uma frota de aeronaves McDonnell Douglas, composta por três MD-82 e um MD-81.

A aeronave envolvida no acidente era um MD-82. O caso é investigado pela Agência Americana de Aviação e pelo Conselho Nacional de Segurança dos Transportes.

 

Fonte: UOL
Foto: Reprodução/Twitter