Líder do Campeonato Brasileiro, o Galo decidiu reduzir o custo dos tickets tendo em vista que a torcida que comparece é obrigada a ter gastos paralelos, como a realização de teste laboratorial para resultado negativo de Covid-19. Diante do Ceará, foram 10 mil presentes, contra 7 mil no confronto contra o Internacional.

O Galo recebe o Santos no Mineirão, na próxima quarta-feira, dia 13/10, às 19h. O líder do Brasileiro tem a melhor campanha de mandante no torneio, com 28 pontos em 11 jogos

 

O Mineirão, em tempos de pandemia, tem apenas 30% da capacidade liberada ao público, no protocolo da Prefeitura de Belo Horizonte. Significa 18,4 mil lugares disponíveis. O Galo teve a volta do torcedor nos dois últimos jogos da Libertadores, contra River (quartas) e Palmeiras (semi). Jogos de grande procura, nos quais as ocupações superaram 90%.