O Paysandu segue em busca de um meia experiente para reforçar o elenco na Série C do Brasileiro. De acordo com apuração da reportagem, dois jogadores estão no radar bicolor: o argentino Emanuel Biancucchi, além de Cícero, com rodagem em grandes times do futebol nacional. A informação foi confirmada ao ge Pará pelo presidente do Papão, Maurício Ettinger.

Primo de Lionel Messi, Emanuel Biancucchi, de 32 anos, está sem time desde fevereiro, quando deixou o Vila Nova. Lá, participou da campanha do acesso e do título da Série C de 2020 diante do Remo, com quatro gols em 28 jogos.

Emanuel Biancucchi foi campeão da Série C pelo Vila Nova — Foto: Comunicação / Vila Nova

Revelado pelo Newell’s, da Argentina, Biancucchi também tem passagens por equipes da Alemanha, Paraguai e Peru. No Brasil, além do Vila goiano, jogou por Bahia, Vasco e Ceará.

Já Cícero, de 36 anos, não entra em campo desde março, depois de sair do Botafogo. O currículo é extenso e com rodagem em diversos outros times da elite do futebol brasileiro: Bahia, Fluminense, São Paulo, Santos e Grêmio.

Cícero teve uma passagem de destaque pelo Grêmio — Foto: Lucas Uebel / Grêmio, DVG

O jogador, que também já vestiu a camisa da seleção brasileira, tem títulos de Copa do Brasil (Fluminense-2007), Sul-Americana (São Paulo-2012), além de Libertadores e Recopa (Grêmio-2017/18).

O Paysandu chegou a confirmar uma procura pelo meia Bruno César, ex-Corinthians, Palmeiras e Vasco, mas o empresário do jogador, Manoel Barboza, disse que nunca foi procurado por pessoas ligadas ao clube.

Na procura por reforçar o elenco pelo acesso à Série B, o Papão já anunciou os acertos com os atacantes Rildo, que já vestiu as camisas de Santos, Corinthians e Vasco, e Rafael Grampola, que estava no Juventude.

Fonte: G1
Foto: Vitor Silva/Botafogo