Após vencer o Esportivo por 2 a 0 fora de casa, o Remo conseguiu a vaga na próxima fase da Copa do Brasil 2021. Depois de um primeiro tempo complicado, o Leão teve tranquilidade para comandar o jogo e contou com uma ajudinha do adversário, que teve dois jogadores expulsos na etapa final. Apesar disso, o treinador azulino Paulo Bonamigo gostou da postura da equipe e disse que os jogadores tiveram maturidade para se impor em campo e conquistar o resultado.

– O primeiro tempo foi duro, foi difícil, mas a equipe conseguiu transformar o jogo em fácil. Sabíamos que a partida contra o Esportivo seria bem competitiva e que eles vinham muito motivados. Jogar aqui é muito difícil. Principalmente pelo segundo tempo, tivemos maturidade e fizemos os gols que nos deram a vitória – destaca o treinador.

A partida marcou a estreia de alguns jogadores no elenco azulino de 2021. Um deles é um velho conhecido: Felipe Gedoz. Peça importante no acesso à Série B conquistado na temporada passada, o meia acertou o retorno ao Leão e já marcou gol na partida de estreia. A atuação foi celebrada por Bonamigo, que destacou a qualidade do meia e a importância de uma referência técnica no resto da temporada.

– O Gedoz é importante quando pisa na área. Ele dá intensidade. É um jogador diferente, que dá essa qualidade no último passe, ou na inversão. Quanto mais ele entra na área, mais existe a possibilidade dele ser artilheiro. Ele tá confiante,e contagia a equipe – disse Bonamigo.

A outras estreias no elenco azulino foram dos atacantes Gabriel Lima e Lucas Tocantins. O último, inclusive, marcou o segundo gol do Leão, que deu números finais ao jogo. Ao final do jogo, ambos receberam elogios do professor Bonamigo.

– Estamos usando o jogo pra dar padrão pro time. O Lucas nem treinou com o grupo, mas ele precisa usar o jogo com uma forma de se preparar. O Gabriel entrou bem no jogo. Precisamos tornar o grupo homogêneo e dar condições àqueles que não estão em melhor forma física – ressalta o treinador do Remo.

Bonamigo também deixou uma pista sobre uma possível estreia no Remo nos próximos jogos. Edson Cariús, que ainda está em processo de transição física, deve receber oportunidades no time titular em breve. No entanto, o Leão não sabe quando deve voltar a campo, já que o decreto de lockdown na Região Metropolitana de Belém suspendeu o Campeonato Paraense.

– Temos o Edson (Cariús) que ainda está na fase de transição, mas talvez esteja disponível para o próximo jogo. É uma pena que ficaremos com dificuldades de fazer os treinamentos, mas espero que a gente possa retornar o mais breve possível para que a equipe não perca esse ritmo que estava tendo – disse Bonamigo.

Veja outros trechos da entrevista o de Paulo Bonamigo

 

Análise da classificação azulina

– Estamos em uma fase de construção até encontrar o equilíbrio da equipe e manter uma postura durante os 90 minutos. Claro que existe um adversário que está super motivado. Na Copa do Brasil, a gente sabe da entrega de todas as equipes, principalmente nessa primeira fase. Lógico que, no contexto, eu estou satisfeito, porque a gente sempre está tentando evoluir. Nós vencemos, podíamos fazer mais na segunda parte, tivemos um bom controle de jogo, uma transição eficiente. É continuar trabalhando. Tem muita coisa que precisamos consertar, corrigir. Estamos em um início de temporada e reconstruindo uma equipe.

Tranquilidade após o resultado

– A classificação foi boa. Passar da primeira fase sempre motiva o grupo. A gente sabe que a Copa do Brasil é uma competição nacional diferente e a equipe superou hoje um adversário extremamente competitivo. Time copeiro que sabe jogar esse tipo de competição. Jogando muito forte, em relação ao contato físico, jogando sempre com divididas fortes. Temos que continuar o trabalho.

Dioguinho jogando pela esquerda

– Como o Gabriel ia fazer a estreia, eu queria que o Dioguinho trabalhasse um pouco mais com o Marlon, na construção ofensiva pelo lado esquerdo, pra ter uma base em cima da linha, fazer dobras. Dioguinho é um jogador versátil, que a gente pode usar ele tanto no centro, como na direita, na esquerda. Ele dá uma resposta boa. Hoje ele foi muito caçado, muito marcado, mas o time de uma forma geral foi bem. A defesa, o Thiago, muito bem. Estamos dois jogos sem tomar gols e isso traz a solidez defensiva que queremos.

Calendário apertado

– Nós estamos usando o jogo como forma de dar padrão, entrosamento, padrão dentro da equipe. Não temos tempo pra treino, praticamente. Chegamos aqui na segunda-feira, tivemos um treino tático ontem. O Wellington (Silva) não jogou por questão clínica, mas o Thiago deu uma resposta bem positiva. Formamos um grupo bem competitivo.

Fonte: G1
Foto: Samara Miranda